Solicite um orçamento

Produtos / Sementes de Pastagens / P. maximum cv. Mombaça

P. maximum cv. Mombaça

Caracteristícas Técnicas

Nome científico:Panicum maximum Jacq.
Cultivar:Mombaça (ORSTOM K190A; BRA 006645)
Fertilidade do solo:Alta
Forma de crescimento:Touceira cespitosa
Altura:Até 1,6m
Utilização:Pastejo direto, silagem e fenação
Digestibilidade:Excelente
Palatabilidade:Excelente
Precipitação pluviométrica:Acima de 800 mm anuais
Tolerância à seca:Média
Tolerância ao frio:Média
Teor de proteína:12 a 16% na MS
Profundidade de plantio:0,5 a 1,0cm
Ciclo vegetativo:Perene
Produção de forragens:20 a 28 t/ha/ano de matéria seca (MS)
Solos úmidos:Baixa tolerância
Consorciação:Todas as leguminosas, princip. as trepadeiras

Como uma das principais empresas de sementes para gramado e pastagens do Brasil a Realpecuária é conhecida em oferecer sementes de ótima qualidade e rapidez no envio. Enviamos as sementes via Correios ou transportadora para todas as cidades do Brasil. 

Submetemos nossas sementes  a rigorosos controles de qualidade, incluindo limpeza personalizada, pureza e testes de viabilidade realizados por laboratórios de sementes credenciadas pelo MAPA. 


               estoque de sementes                                                      equipe de vendas

 

COMO COMPRAR COM NOSSA EMPRESA:

vendemos em pequenas e grandes quantidades,  solicite um orçamento  ou faça sua compra hoje mesmo , basta nos informar  o produto, quantidade e a cidade e Estado do Brasil. 

CONTATO VIA SITE -  DEIXE SUA MENSAGEM NO CAMPO CONTATO

BASTA INFORMAR O PRODUTO,  A QUANTIDADE QUE PRECISA E SUA LOCALIZAÇÃO

Resultado de imagem para EMAIL   CONTATO VIA EMAIL - ENVIE UM EMAIL DIRETO PARA NOSSA CENTRAL DE VENDAS , NOSSO EMAIL É CONTATO@RELAPECUARIA.COM.BR

BASTA INFORMAR O PRODUTO,  A QUANTIDADE QUE PRECISA E SUA LOCALIZAÇÃO

      

  Resultado de imagem para telefone CONTATO VIA TELEFONE -  CENTRAL DE VENDAS:  (18) 3279 40 73  celular: (18) 98189 5787 Imagem relacionada

(horário de atendimento - segunda a sexta feira das 8:30 as 12:00 hs. e das 13:00  as 17:00 hs.)

 

Imagem relacionada CONTATO VIA  CELULAR (WHATSSAP) - (18) 98195787

(horário de atendimento - segunda a sexta feira das 8:30 as 12:00 hs. e das 13:00  as 17:00 hs.)

 

CONTATO VIA CHAT, FALE DIRETAMENTE COM UM DE NOSSOS VENDEDORES

 FALE  DIRETAMENTE COM UM DE NOSSOS VENDEDORES VIA CHAT BASTA CLICAR NO LADO DIREITO DA PÁGINA (FALE COM UM ESPECIALISTA) 

(horário de atendimento - segunda a sexta feira das 8:30 as 12:00 hs. e das 13:00  as 17:00 hs.) 

  

 FORMAS DE PAGAMENTO COMPRANDO  DIRETAMENTE COM NOSSA EMPRESA:  DEPÓSITO BANCÁRIO, BOLETO OU CARTÃO DE CRÉDITO

 

Embalagens de 15 kg e 5 kg.

Preço por kg: nos consulte

CARACTERÍSTICAS MORFOLÓGICAS


        É uma planta cespitosa de ciclo anual, com altura média de 1,65m, folhas quebradiças, com largura média de 3,0cm e sem cerosidade. As lâminas apresentam poucos pêlos, duros e curtos, principalmente na face superior. As bainhas são glabras. Os colmos são levemente arroxeados. A inflorescência é uma panícula, com ramificações primárias longas e secundárias longas apenas na base. As espiguetas são glabras e uniformemente distribuídas, de coloração arroxeada em aproximadamente 1/3 da superfície externa. O verticilo normalmente apresenta micropilosidade.


CARACTERÍSTICAS AGRONÔMICAS


        Com relação à acidez e a fertilidade do solo, é exigente igual aos outros cultivares de Panicum maximum, no entanto, tem apresentado maior eficiência na utilização do fósforo do solo que os demais cultivares. Assim, para o mesmo teor de P extraível, o Mombaça tem apresentado maiores produções de matéria seca total e de folhas. Após dois anos, em solo de cerrado adubado, em condições de pastejo, quando comparada ao Tobiatã, além de proporcionar maior lotação, apresentou maiores produções de matéria seca e teores mais elevados de fósforo nas folhas.
        Em um grama de sementes de Mombaça, existem aproximadamente 770 sementes puras, a mesma quantidade que o Colonião.
        O Mombaça produziu 33 t/ha/ano de matéria seca foliar em parcelas sob cortes manuais, ou seja, 130% e 28% a mais que o Colonião e Tanzânia I, respectivamente. Apresentou menor estacionalidade de produção que o Colonião; enquanto o Mombaça e Tanzânia I produziram, na seca, 11% do total anual, a cv. Colonião produziu apenas 3%. O cultivar Mombaça apresentou também uma alta porcentagem de folhas (82%), semelhante à Tanzânia I (80%), porém muito mais elevada que o Colonião (62%). Os teores de proteína bruta nas folhas e nos colmos foram de 13,3% e 9,7%, respectivamente, e sem grandes variações ao longo do ano.
        Com relação à cigarrinha, houve uma superioridade com relação ao cv. Tobiatã, mas inferior ao cv. Tanzânia, tendo, portanto, média resistência à cigarrinha.
        Em três anos sob um sistema de pastejo flexível, o Mombaça e Tobiatã tiveram 14 dias de pastejo e 60 dias de descanso, durante o período seco. Durante as águas, no entanto, o Tobiatã possibilitou 12 dias de pastejo e 37 de descanso, enquanto que a Mombaça, 14 dias de pastejo e 35 dias de descanso. Estes resultados propiciaram estimativas da capacidade de suporte de 2,3 U.A. para a Mombaça e 2,0 U.A. para o Tobiatã.
Esta diferença deve-se à maior porcentagem de folhas apresentadas pela Mombaça, que foi em média, durante o ano de 47% e para o Tobiatã de 38%.


UTILIZAÇÃO E MANEJO        


        Recomendado para bovinos em fase de engorda e produção leiteira. Pode ser consumida por eqüinos e ovinos. O Mombaça por apresentar talos mais grossos que o Tanzânia, deve ser pastejado sempre verde. Se os animais forem colocados em pastagens, maduros e passados de Mombaça, irão refugar estes talos grossos e lignificados, acarretando um "envaretamento" das plantas e como conseqüência o início do processo de degradação da pastagem.
        O Mombaça é uma forrageira que deve ser intensamente explorada durante o período chuvoso, época em que o crescimento é mais intenso e a qualidade nutricional também é maior. A distribuição da forragem produzida durante o ano, é mais bem distribuída nesta pastagem, que apresenta período de florescimento também mais tardio que os demais Panicum maximum.
        No período chuvoso a quantidade de dias para a recuperação deste pasto após o pastejo deve ser de no máximo 30 dias.