Solicite um orçamento

Produtos / Sementes de Pastagens / Brachiaria brizantha cv. Marandu

Brachiaria brizantha cv. Marandu

Caracteristícas Técnicas

Nome científico:Brachiaria brizantha (Hochst.) Stapf.
Cultivar:Marandu (CIAT 6294 - IRI 822 - BRA 000591)
Registro no MAPA:nº 02250 em 10.05.99
Fertilidade do solo:Média a alta
Forma de crescimento:Touceira semi-ereta
Altura:1,0 a 1,5m
Utilização:Pastejo direto, silagem e fenação
Digestibilidade:Boa
Palatabilidade:Boa
Precipitação pluviométrica:Acima de 800 mm anuais
Tolerância à seca:Média
Tolerância ao frio:Média
Teor de proteína:11% na MS
Profundidade de plantio:1 a 2 cm
Ciclo vegetativo:Perene
Produção de forragens:10 a 14 t/ha/ano de matéria seca (MS)
Cigarrinha das pastagens:Resistente
Formigas cortadeiras:Resistente
Restrição:não tolera solos encharcados e de má drenagem
Consorciação:Arachis pintoi,Soja perene,Calopogônio e Java

Como uma das principais empresas de sementes para gramado e pastagens do Brasil a Realpecuária é conhecida em oferecer sementes de ótima qualidade e rapidez no envio. Enviamos as sementes via Correios ou transportadora para todas as cidades do Brasil. 

Submetemos nossas sementes  a rigorosos controles de qualidade, incluindo limpeza personalizada, pureza e testes de viabilidade realizados por laboratórios de sementes credenciadas pelo MAPA. 


               estoque de sementes                                                      equipe de vendas

COMO COMPRAR COM NOSSA EMPRESA:

vendemos em pequenas e grandes quantidades,  solicite um orçamento  ou faça sua compra hoje mesmo , basta nos informar  o produto, quantidade e a cidade e Estado do Brasil. 

CONTATO VIA SITE -  DEIXE SUA MENSAGEM NO CAMPO CONTATO

BASTA INFORMAR O PRODUTO,  A QUANTIDADE QUE PRECISA E SUA LOCALIZAÇÃO

Resultado de imagem para EMAIL   CONTATO VIA EMAIL - ENVIE UM EMAIL DIRETO PARA NOSSA CENTRAL DE VENDAS , NOSSO EMAIL É CONTATO@RELAPECUARIA.COM.BR

BASTA INFORMAR O PRODUTO,  A QUANTIDADE QUE PRECISA E SUA LOCALIZAÇÃO     

  Resultado de imagem para telefone CONTATO VIA TELEFONE -  CENTRAL DE VENDAS:  (18) 3279 40 73  celular: (18) 98189 5787 Imagem relacionada

(horário de atendimento - segunda a sexta feira das 8:30 as 12:00 hs. e das 13:00  as 17:00 hs.)

Imagem relacionada CONTATO VIA  CELULAR (WHATSSAP) - (18) 98195787

(horário de atendimento - segunda a sexta feira das 8:30 as 12:00 hs. e das 13:00  as 17:00 hs.)

 

CONTATO VIA CHAT, FALE DIRETAMENTE COM UM DE NOSSOS VENDEDORES

 FALE  DIRETAMENTE COM UM DE NOSSOS VENDEDORES VIA CHAT BASTA CLICAR NO LADO DIREITO DA PÁGINA (FALE COM UM ESPECIALISTA) 

(horário de atendimento - segunda a sexta feira das 8:30 as 12:00 hs. e das 13:00  as 17:00 hs.) 

  

 FORMAS DE PAGAMENTO COMPRANDO  DIRETAMENTE COM NOSSA EMPRESA:  DEPÓSITO BANCÁRIO, BOLETO OU CARTÃO DE CRÉDITO

Embalagens de  5 kg.

Preço por kg : nos consulte

semente incrustada, plantio 5 a 7 kg por hectare ou 12 a 17 kg por alqueire

 

CARACTERÍSTICAS MORFOLÓGICAS

 

Planta cespitosa e muito robusta, de 1,5 a 2,0 m de altura, com colmos iniciais prostrados, mas produzindo afilhos predominantemente eretos. Possui rizomas muito curtos e encurvados. Os colmos floríferos são eretos, freqüentemente com afilhamento nos nós superiores, que leva a proliferação de inflorescências, especialmente sob regime de corte e pastejo. Bainhas pilosas e com cílios nas margens, geralmente mais longas que os entre nós, escondendo os nós, o que confere a impressão de haver densa pilosidade nos colmos vegetativos.

As lâminas foliares são lineares lanceoladas, esparsamente pilosas na face ventral e glabras na face dorsal. Inflorescência de até 40 cm de comprimento, geralmente com 4 a 6 racemos, bastante eqüidistantes ao longo do eixo, medindo de 7 a 10 cm de comprimento, mas podendo alcançar 20 cm nas plantas muito vigorosas. Espiguetas unisseriadas ao longo da raque, oblongas a elíptico-oblongas, com 5,0 a 5,5 mm de comprimento por 2,0 a 2,5 mm de largura, esparsamente pilosas no ápice.

 

ORIGEM

A cultivar Marandu tem origem na África Tropical, foi liberado comercialmente no Brasil pela EMBRAPA em 1984, e sua origem foi o germoplasma introduzido na região de Ibirarema-SP, proveniente da Estação Experimental de Pastagem de Zimbabwe, em Marondera - África.

O nome Marandu significa "novidade".

 

CARACTERÍSTICAS AGRONÔMICAS

Esta gramínea se desenvolve bem em condições tropicais, desde o nível do mar até 2.000 m de altitude, em regiões com boa precipitação pluvial anual superior a 700 mm e cerca de 5 meses de seca. Adapta-se bem a solos de média a alta fertilidade. Textura média ou arenosa é a mais adequada para este cultivar, que não tolera solos argilosos e siltosos. Apresenta média proteção ao solo, podendo ser indicada para áreas de relevo plano a ondulado.
O cultivar Marandu tem boa tolerância ao sombreamento, ao fogo e a seca. Não tolera solos encharcados e é suscetível a geadas. Este cultivar tem boa resposta à adubação e as consorciações podem ser feitas com Arachis pintoi, estilosantes, calopogônio, soja perene, java e puerária.
Este cultivar tem também como característica a alelopatia, que é a produção de substâncias, que quando liberadas no ambiente, pode afetar o desenvolvimento de outras plantas.
Em regiões com problemas de formigas cortadeiras, a Marandu é uma das boas opções de plantio, uma vez que as formigas não atacam esta planta e são eliminadas por inanição. Outra importante característica desta cultivar é a sua resistência a cigarrinha-das-pastagens (Zulia entreriana e Deois flavopicta). Existem informações, principalmente no norte do Brasil, que a cigarrinha do gênero Mahanarva está atacando este cultivar e este tem se mostrado susceptível.
Em média, um grama de sementes contém cerca de 120 sementes puras e viáveis e no plantio as sementes devem ser incorporadas a 1,0 a 2,0 cm de profundidade.

 

UTILIZAÇÃO E MANEJO

Utilizada para pastejo direto pelos animais, silagem e fenação, sendo indicada para cria e engorda de bovinos, não é aceita por eqüinos, ovinos e caprinos.
Recomendamos o uso do Marandu em pastagens rotacionados ou em piquetes pequenos, onde o pasto possa ser vedado para sua recuperação após o uso.

Em caso de novo estabelecimento, a área pode ser pastejada cerca de 90 dias depois da germinação das sementes, dependendo sempre das condições climáticas.

No pastejo rotacionado os piquetes devem ficar entre 30 a 35 dias em descanso durante o período chuvoso e quente do ano, com 1 a 5 dias de utilização. Na seca e frio o tempo de descanso da área é bem maior. Em caso de pastejo contínuo a altura mínima de pastejo é cerca de 20 a 25cm, altura esta em que, a quantidade de talos  é maior  do que a quantidade de folhas.